São Paulo é estado do Brasil com mais construções sustentáveis

O estado possui 80 empreendimentos com certificação internacional LEED, considerada o principal selo de construção sustentável do Brasil

Se o Brasil precissase de um representante no setor de construção sustentável, seria São Paulo. O estado é o campeão em edifícios verdes, de acordo com levantamento do Conselho de Construção Sustentável do Brasil (GBC-Brasil), que representa oficialmente a certificação Leadership in Energy and Environmental Design (LEED) – considerada o principal selo de construção sutentável do país.

Atualmente, o estado paulista possui 80 edificações atestadas pelo selo LEED, além de outros 428 empreendimentos que já entraram com pedido de certificação. O Rio de Janeiro aparece em segundo lugar no ranking dos estados com mais construções sustentáveis – são 12 edificações certificadas e 137 pedidos -, seguido por Paraná, Distrito Federal, Rio Grande do Sul e
Minas Gerais.

Juntos, estes seis estados foram os principais responsáveis pela nova marca atingida pelo Brasil, nesse mês de junho: 100 empreendimentos certificados pelo selo LEED. Entre eles estão bancos, hospitais, escolas, laboratórios de saúde, supermercados e prédios comerciais, o que atesta a diversidade de setores que, cada vez mais, valorizam a construção sustentável no país.

“Outra prova disso é que o centésimo empreendimento LEED no Brasil é um centro de manutenção de uma garagem de ônibus rodoviários. Trata-se de um fato inédito”, diz Marcos Casado, diretor técnico e educacional do GBC-Brasil. O empreendimento fica no município de Santana do Parnaíba, na região metropolitana de São Paulo.

Para Casado, um dos principais responsáveis pelo aumento da procura por certificação sustentável no Brasil – entre 2012 e 2013, o número de pedidos de certificação no país cresceu mais de 40% – foi a queda nos custos para “esverdear” as edificações. “Com o investimento de empresas em tecnologias e produtos verdes, conseguimos baixar consideravelmente os custos de investimentos em empreendimentos sustentáveis. Hoje, o custo varia entre 1% e 7% do valor da obra”, explica o especialista.

Atualmente, o Brasil ocupa o quarto lugar no ranking das nações com maior número de construções com certificação LEED, atrás de Estados Unidos, China e Emirados Árabes.

Com esta tecnologia a favor do meio ambiente a ACE Pisos e Revestimentos, possui pisos vinílicos e carpetes com o selo LEED, que por sua vez é um dos diferenciais no mercado atuante.O estado possui 80 empreendimentos com certificação internacional LEED, considerada o principal selo de construção sustentável do Brasil